domingo, 28 de agosto de 2016

QUESTÕES BIOMAS


QUESTÕES BIOMAS

01. Numere as colunas relacionando a vegetação à sua característica.
(1) Floresta de Coníferas              (2) Vegetação Mediterrânea         (3) Tundra    
(4) Pradaria                                 (5) Savana                                    (6) Estepe

(   ) Vegetação rasteira de ciclo vegetativo curto. Exemplo: musgos e líquens.
(   ) Vegetação herbácea, esparsa e ressecada. Surge em climas semiáridos, na faixa de transição de climas úmidos para desertos.
(   ) Formação florestal típica da zona temperada. É conhecida como Taiga e predominam os pinheiros.
(   ) Vegetação esparsa que possui três estratos. Um arbóreo, um arbustivo e um herbáceo. Predomina em regiões de clima mediterrâneo.
(   ) Formação herbácea, composta por capim, que aparece em regiões de clima temperado continental.
(   )Vegetação complexa que surge por influência do clima tropical, alternadamente úmido e seco. Ocorre na África e abriga animais de grande porte como leões, elefantes e girafas.

 Assinale a alternativa que contém a sequência correta, de cima para baixo.
A) 2 – 1 – 6 – 4 – 5 – 3.                         B) 1 – 2 – 3 – 6 – 5 – 4.                        C) 3 – 6 – 1 – 2 – 4 – 5.
D) 6– 5– 4– 3– 2– 1.                              E) 4– 3 – 2 – 5 – 1 – 6.

02- (UPF) Estabeleça a relação entre as duas colunas, considerando as principais formações vegetais do planeta.

1) Floresta Tropical          2) Mediterrânea                  3) Pradaria                      4) Taiga 

(__) Própria de verões quentes e secos e invernos amenos. No sul da Europa     foi intensamente desmatada para o cultivo de oliveiras e videiras.
(__) Ocorre em altas latitudes do hemisfério Norte, típica de clima temperado. Predominam as coníferas, bastante exploradas para a utilização de madeira e fabricação de papel.
(__) Composta basicamente por gramíneas, ocorre em áreas de clima temperado e solos ricos em matéria orgânica.
 (__) Ocorre em áreas delimitadas pelos trópicos, com temperaturas e pluviosidade elevadas. Concentra a maior biodiversidade entre os demais biomas.
 (__) Utilizada como pastagem, é encontrada nos Pampas argentinos, no Uruguai e no sul do Brasil. Originalmente, ocupou praticamente metade   da área do Rio Grande do Sul.
 A ordem correta da relação estabelecida está na opção:

(A) 2, 4, 3, 1, 3.         B) 1, 4, 3, 2, 3.         C) 2, 1, 3, 2, 4.                 D) 2, 1, 4, 3, 4.                E) 3, 1, 4, 1, 3.

03- (UPE) Na Europa Central e Ocidental, nas porções:  oriental e ocidental do Canadá e dos Estados Unidos assim como no Extremo Oriente, ocorrem paisagens fitogeográficas, que se constituem, quase sempre, por árvores caducifólias e apresentam uma baixa densidade botânica e certa homogeneidade de espécies. Estão em grande parte destruídas pelas ações antrópicas, uma vez que se encontram em áreas densamente povoadas e onde houve um expressivo desenvolvimento econômico. Grande parte da superfície ocupada por essas formações vegetais foi substituída pelas atividades agrícolas e pecuárias ou pelas cidades que, por elas próprias, se expandiram. A quais formações vegetais estamos nos referindo?

A) Savanas e Taiga.                     
B) Florestas Tropicais e Florestas Subtropicais.       
C) Florestas Boreais e Tundra.                                    
D) Florestas Temperadas e Florestas Subtropicais.                     
E) Estepes e Florestas Temperadas.

04- (UNICAMP) Em zonas de altas montanhas, como no Himalaia, a vegetação se desenvolve em diferentes altitudes, a que se associam variações das condições de temperatura, umidade, exposição do sol e ventos. Após examinar a figura a seguir, assinale a alternativa correta a respeito da distribuição da vegetação em relação à altitude.


A) Até 2000m, floresta temperada; de 2000 a 3000m, floresta tropical; de 3000 a 5000m, gramíneas; de 5000 a 6000m, floresta de coníferas; acima de 6000m, terreno coberto por gelo.
B) Até 2000m, floresta de coníferas; de 2000 a 3000m, floresta temperada; de 3000 a 5000m, floresta tropical; de 5000 a 6000m, gramíneas; acima de 6000m, terreno coberto por gelo.
C) Até 2000m, gramíneas; de 2000 a 3000m, floresta de coníferas; de 3000 a 5000m, floresta temperada; de 5000 a 6000m, floresta tropical; acima de 6000m, terreno coberto por gelo.
D) Até 2000m, floresta tropical; de 2000 a 3000m, floresta temperada; de 3000 a 5000m, floresta de coníferas; de 5000 a 6000m, gramíneas; acima de 6000m, terreno coberto por gelo.

05- (UCPEL) Um dos biomas terrestres caracteriza-se por clima muito frio, ambiente seco e precipitação baixa, geralmente, em forma de neve. O solo permanece congelado durante a maior parte do ano, degelando só na camada superficial nos 3 meses de verão. É habitado por plantas herbáceas, como o capim e o junco, e por animais, como as renas, raposas, lebres e lobos, que, no inverno, migram para regiões mais quentes ou se refugiam em túneis e tocas. Esse tipo de bioma recebe o nome de:

A) Deserto.               B) Taiga.                   C) Tundra.                    D) Campos.                E) Floresta tropical.

06- (UNICENTRO) Assinale a alternativa correta sobre o papel da biodiversidade animal e/ou vegetal na manutenção do equilíbrio ambiental.

A) A manutenção da biodiversidade original em um bioma permite que as cadeias alimentares se mantenham íntegras e que continue havendo um bom controle natural nas relações entre presas e predadores.
B) A biodiversidade garante a manutenção da biomassa vegetação de um bioma, isto é, a produção de massa vegetal por unidade de área. Um ambiente pouco biodiverso é sempre pobre em biomassa vegetal.
C) A biodiversidade garante a reprodução das espécies vegetais e animais de maior utilidade para o homem, como é o caso das plantas cultivadas.
D) A biodiversidade vegetal e animal de um bioma garantem a manutenção dos microclimas regionais, amenizando os efeitos das mudanças climáticas globais.
E) A biodiversidade da fauna garante a manutenção da flora de um bioma, visto que os quadros de vegetação dependem, essencialmente, das condições do clima e da distribuição da fauna.

07- (UEL) O mosaico botânico brasileiro resulta da expansão e da retração de florestas, cerrados e caatingas, provocadas pela alternância de climas úmidos e secos nas regiões tropicais durante os períodos glaciais. Com base nessas considerações, analise a tabela a seguir.

 



 Com base na tabela, assinale a alternativa que apresenta, correta e respectivamente, a sequência dos biomas representados pelas letras X, Y e Z.

A) Caatinga, cerrado e floresta.                 
B) Caatinga, floresta e cerrado.              
C) Cerrado, caatinga e floresta.
D) Floresta, caatinga e cerrado.                  (
E) Floresta, cerrado e caatinga.

08- (UDESC) Em texto publicado no jornal "O Estado de São Paulo", no dia 8 de junho de 2012, Aldo Rebelo explica que “o objetivo central do novo Código Florestal é deixar o agricultor trabalhar em paz e em harmonia com o meio ambiente”, de forma que se possa conciliar preservação e crescimento econômico. O deputado assegura que, com base na nova legislação, é “possível enfrentar a ilegalidade de boa parte da atividade agrícola e da pecuária em razão das restrições impostas, com um mínimo de criatividade, que permita aos estados, dentro das exigências atual, preservar os porcentuais mínimos de cada bioma, adaptando-se às condições locais, ao modelo de ocupação do território e à estrutura da propriedade da terra”. O projeto do novo Código Florestal é muito polêmico em razão de:

(A) opor interesses da bancada ruralista aos da bancada ligada à área ambiental.
(B) propor o uso de áreas de preservação para projetos turísticos.
(C) propor a diminuição de áreas de reflorestamento com a ampliação de áreas para cultivo e criação.
(D) defender o uso de espaços de floresta para construção de usinas hidrelétricas.
(E) não ser tão rígido com o desmatamento florestal.

09- (UCS) A Amazônia ocupa uma área de mais de 6,5 milhões de km2, na parte norte da América do Sul, abrangendo nove países: Brasil, Venezuela, Colômbia, Peru, Bolívia, Equador, Suriname, Guiana e Guiana Francesa. Em toda a região amazônica, calcula-se que cerca de 26.000 km2 são desmatados todos os anos. Uma pesquisa da revista Science alerta que, até 2050, poderá ocorrer a extinção de cerca de 80% das espécies de vertebrados, em áreas que sofreram desmatamento. (FARIA, C. Desmatamento da Amazônia. Disponível em: . Acesso em: 22 out. 2012.) (WEARN, O. R.; REUMAN, D. C.; EVERS, R. M. Extinction Debt and Windows of Conservation Opportunity in the Brazilian Amazon. Science, v. 337, n. 6091, p. 228-232, 13 July 2012.) Analise as afirmativas abaixo, relacionadas ao processo de desmatamento.

I. A menor evapotranspiração diminui os índices pluviométricos. Estima-se que metade das chuvas que ocorrem nas florestas tropicais são resultantes da evapotranspiração, ou seja, da troca de água da floresta com a atmosfera.
II. Boa parte da energia solar é absorvida pelas florestas para os processos de fotossíntese e evapotranspiração. Sem a floresta, com o solo exposto, quase toda essa energia seria devolvida para a atmosfera em forma de calor, o que elevaria as temperaturas médias.
III. O aumento do processo erosivo leva a um empobrecimento dos solos, como resultado da retirada de sua camada superficial. Isso, muitas vezes, acaba inviabilizando a agricultura.
Das afirmativas acima:

A) apenas I está correta.                      B) apenas II está correta.                   C) apenas III está correta.
D) apenas I e II estão corretas.           E) I, II e III estão corretas.


10- (UFSJ) Observe a figura abaixo.

 
http://rastroselvagem.blogspot.com.br/2012/05/o-novo-codigo-florestal-brasileiro.html. Acesso em 31/08/12 (Adaptado). As APPs estiveram no centro do debate sobre a reformulação do Código Florestal Brasileiro.
Sobre a função ambiental das APPs, é INCORRETO afirmar que estas garantem a

A) Margem dos cursos d'água e aumentam o assoreamento.       
B) Estabilidade do solo e previnem deslizamentos.
C) Fixação de dunas e a proteção de manguezais.                       
D) Recomposição de aquíferos.

11- (UNESP) Leia. Imagens de satélite comprovam aumento da cobertura florestal no Paraná
O constante monitoramento nas áreas em recuperação do Programa Mata Ciliar, com o apoio de imagens de satélite, tem demonstrado um aumento significativo da cobertura florestal das áreas de preservação permanente, reserva legal e Unidades de Conservação, integrantes do Corredor de Biodiversidade. (www.mataciliar.pr.gov.br)
 As matas ciliares são:
A) florestas tropicais em margens de rios, cujo papel é regular fluxos de água, sedimentos e nutrientes entre os terrenos mais altos da bacia hidrográfica e o ecossistema aquático. O mau uso dessas áreas provoca erosão das encostas e assoreamento do leito fluvial.
B) florestas temperadas, cujo papel é de filtro entre o solo e o ar, possibilitando a prática da agricultura sem prejudicar o ecossistema atmosférico. O mau uso dessas áreas provoca erosão do solo e contaminação do ar.
C) florestas subtropicais, cuja função é preservar a superfície do solo, proporcionando a diminuição da filtragem e o aumento do escoamento superficial. O mau uso dessas áreas provoca aumento da radiação solar e estabilidade térmica do solo.
D) coberturas vegetais que ficam às margens dos lagos e nascentes, atuam como reguladoras do fluxo de efluentes e contribuem para o aumento dos nutrientes e sedimentos que percolam o solo. O mau uso dessas áreas provoca evaporação e rebaixamento do nível do lençol freático.
E) formações florestais que desempenham funções hidrológicas de estabilização de áreas críticas em topos de morros, cumprindo uma importante função de corredores para a fauna. O mau uso dessas áreas provoca desmatamento e deslizamento das encostas.

12- (IFTM) Bioma é um conjunto de tipos de vegetação que abrange grandes áreas contínuas, em escala regional, com flora e fauna similares, definida pelas condições físicas predominantes nas regiões. Esses aspectos climáticos, geográficos e litológicos (das rochas), por exemplo, fazem com que um bioma seja dotado de uma diversidade biológica singular, própria. O Brasil possui uma diversidade de fauna e flora surpreendente; isso acontece devido ao seu imenso território, associado às suas condições climáticas. Esse fato pode ser facilmente observado em uma simples viagem pelas regiões brasileiras. Qual das alternativas abaixo apresenta somente características corretas a respeito dos biomas encontrados no Brasil?
A) Bioma Pampa – área típica de pecuária extensiva, esse bioma possui diversidade vegetal significativa, com o aparecimento de gramíneas e florestas de araucárias. O surgimento desse pinheiro brasileiro ocorre devido ao clima temperado que abrange grande parte da região Sul do Brasil.
B) Bioma Mata Atlântica - é a formação mais devastada de todo território brasileiro. Estima-se que reste atualmente 7% de sua cobertura original. É o bioma nacional mais rico em biodiversidade. De acordo com a compartimentação do relevo se divide em: mata de igapó, mata de várzea e floresta de altitude.
C) Bioma Amazônia – possui a maior floresta da zona intertropical do globo. Atualmente enfrenta problemas devido ao desmatamento intensivo. Devido ao clima tropical superunido, que atua sobre a maior parte desse bioma, a vegetação é adaptada ao grande volume de chuvas que cai nessa região.
D) Bioma Cerrado – uma formação com árvores, arbustos e campos. Ocorre nesse bioma o aparecimento de árvores com galhos retorcidos e casca grossa. Devido ao clima tropical semiúmido ou tropical típico, com abundância de chuvas no verão e inverno seco, ocorrem queimadas com frequência no período de estiagem.
E) Bioma Caatinga - nome indígena que significa “mata branca”, esse bioma se concentra somente na região Nordeste do Brasil. Devido a escassez de chuva, entre 250 mm e 300 mm mensais, surgem plantas xerófitas associadas a vegetação arbustiva. A atividade predominante na região é a pecuária extensiva.

13-(FGVRIO) Considere os seguintes processos de degradação ambiental descritos abaixo:
I A desertificação resulta da expansão de práticas agropecuárias predatórias e do desmatamento das espécies nativas, usadas para a produção de lenha.
II A arenização é causada pela ação dos processos erosivos sobre depósitos arenosos pouco consolidados em ambiente de clima úmido, e agravados pelo manejo inadequado dos solos.
Os biomas brasileiros em que esses processos ocorrem são, respectivamente,
A) Caatinga e Campos Sulinos.                      B) Caatinga e Cerrado.                     C) Cerrado e Mata Atlântica.
D) Pantanal e Mata de Araucária.                   E) Cerrado e Mata de Araucária.

14- (FATEC) Ao pensar em sua infância, José sente-se nostálgico e se lembra da vegetação característica da região onde morava: árvores de cascas grossas e galhos retorcidos, e com raízes muito profundas. Entre uma árvore e outra, havia espaço suficiente para correr e, no inverno seco, a vegetação ganhava aspecto amarelado e, no verão chuvoso, tudo voltava a ficar verdinho.
Atualmente, a vegetação de que José se recorda não existe mais, tornou-se uma extensa plantação de soja.
É correto concluir que José passou sua infância no estado
A) do Acre.                                    B) de Goiás.                                             C) de Roraima.      
D) do Rio Grande do Sul.             E) do Rio Grande do Norte.

15- (UNCISAL) Esse bioma brasileiro se estendia originalmente por uma vasta área de aproximadamente dois milhões de quilômetros quadrados (km2); atualmente, restam apenas 18% desse total. Esse bioma apresenta solo deficiente em nutrientes e rico em ferro e alumínio, abriga plantas de aparência seca, entre arbustos esparsos e gramíneas e um tipo mais denso de vegetação, de formação florestal. Estima-se que 10 mil espécies de vegetais, 837 de aves e 161 de mamíferos vivam ali. Essa riqueza biológica, porém, é seriamente afetada pela caça e pelo comércio ilegal. Esse bioma é o sistema ambiental brasileiro que mais sofreu com a ocupação humana.
Identifique o bioma brasileiro a que o texto faz referência.
A) Campos.           B) Cerrado.             C) Caatinga.         D) Floresta Equatorial.           E) Floresta Latifoliada.

16- (UEA) Tipo de vegetação característica da Floresta Amazônica, situada nas áreas de planícies inundáveis pelas cheias sazonais dos rios, com árvores que não ultrapassam 20 metros de altura. Essa vegetação corresponde à
A) Mata de Mangue.                     B) Mata de Veredas.                     C) Mata de Igapó.      
D) Mata de Babaçu.                     E) Mata de Terra Firme.

17- (UEA) As atuais mudanças do novo Código Florestal brasileiro têm gerado conflitos acalorados de interesses entre as bases de apoio dos ruralistas e dos ambientalistas. Entre as discussões mais importantes estão as mudanças relacionadas às Áreas de Proteção Permanente (APP) em torno de rios e córregos. A proteção dessa vegetação, denominada ripária, é fundamental, uma vez que ela exerce importantes funções ambientais, entre as quais se podem citar.
A) A proteção dos rios contra os problemas de erosão do solo e do assoreamento dos cursos d’água.
B) A diminuição da umidade do ambiente, devido à retenção das água pela vegetação que margeia os rios.
C) A interrupção do ciclo hidrológico, permitindo que a água seja armazenada nos rios e nos aquíferos.
D) O aumento da temperatura do ambiente no entorno dos rios, o que favorece a evaporação.
E) A função de barreira ecológica que impede o fluxo de espécies entre diferentes áreas.

18- (UECE) Assinale a alternativa que contém apenas Áreas de Preservação Permanente (APP’s), conforme o Código Florestal Brasileiro em vigor.
A) Tabuleiros, matas ciliares e florestas restauradas             
B) Dunas fixas, manguezais e nascentes fluviais
C) Chapadas, topos de morros e encostas íngremes                
D) Dunas móveis, interflúvios tabulares e faixas de praias
19- Assinale a alternativa que corresponde ao ecossistema fluviomarinho, muito rico em biodiversidade.
A) matas ciliares.             B) dunas fixas.           C) manguezais.             D) plataforma continental.

20- A ilustração abaixo representa o fenômeno que:

 


http://enos.cptec.inpe.br

A) pouco altera as condições de circulação atmosférica, especialmente na zona intertropical, sem maiores consequências para os níveis de pluviosidade.
B) ocorre periodicamente, sobretudo nos meses de novembro e dezembro, sendo o principal fator de normalidade nos regimes de chuvas da América do Sul.
C) decorre, exclusivamente, do processo de aquecimento global e explica anormalidades como chuvas excessivas no interior do Nordeste brasileiro.
D) provoca o aquecimento das águas do Pacífico Sul- equatorial, com alterações na circulação atmosférica que resultam em chuvas excessivas na região Sul do Brasil e estiagem mais acentuada no Sertão Nordestino.
E) provoca o aquecimento das águas do Pacífico Sul - equatorial, com alterações na circulação atmosférica, que resultam em invernos mais rigorosos nas regiões Sul e Sudeste, além de um aumento da pluviosidade no Nordeste brasileiro.







21-  Observe o esquema abaixo, que indica a circulação atmosférica sobre a superfície terrestre, e indique a alternativa correta.

A) Os ventos alísios dirigem-se das áreas tropicais para as equatoriais, em sentido horário no hemisfério norte e anti-horário no hemisfério sul, graças à ação da Força de Coriolis, associada à movimentação da Terra.
B) Os ventos alísios dirigem-se das áreas de alta pressão, características dos trópicos, em direção às áreas de baixa pressão, próximas ao equador, movimentando-se em sentido anti-horário no hemisfério norte e em sentido horário no hemisfério sul.
C) Os ventos contra-alísios dirigem-se dos trópicos em direção ao equador, movimentando-se em sentido horário no hemisfério norte e anti-horário no hemisfério sul, graças à ação da Força de Coriolis.
D) Os ventos contra-alísios dirigem-se da área tropical em direção aos polos, provocando quedas bruscas de temperatura e eventualmente queda de neve, movimentando-se em sentido anti-horário no hemisfério sul e em sentido horário no hemisfério norte




22- Observe o mapa abaixo.


Analise as proposições sobre as massas de ar que atuam no Brasil, representadas no mapa pelos números arábicos.
I. O número 1 representa a Massa Equatorial Atlântica.
II. O número 2 representa a Massa Equatorial Amazônica.
III. O número 3 representa a Massa Tropical Atlântica.
IV. O número 4 representa a Massa Tropical Continental.
V. O número 5 representa a Massa Polar Atlântica.
Assinale a alternativa correta.
A) Somente as afirmativas I, III, IV e V são verdadeiras.       B) Somente as afirmativas I, II e V são verdadeiras.
C) Somente as afirmativas I, II e III são verdadeiras.             D) Somente as afirmativas IV e V são verdadeiras.
E) Todas as afirmativas são verdadeiras.
23- Observe a imagem abaixo:

 

 
ADAS, Melhem. Panorama geográfico do Brasil: Contradições, impasses e desafios sócioespaciais. São Paulo: Moderna, 1998, p.332. (adaptado).

a) Áreas frias (ou de alta pressão), como as polares e as subtropicais, são dispersoras de massas de ar e ventos e recebem o nome de áreas ciclonais.
b) As áreas quentes ou de baixa pressão atmosférica, como as equatoriais, são receptoras de massas de ar e ventos que recebem o nome de áreas ciclonais.
c) O ar aquecido das zonas de baixas latitudes próximas ao equador se expande, torna-se leve e sobe (ascende), criando uma área de alta pressão ou ciclonal.
d) Os movimentos do ar (massas de ar e ventos) resultam da distribuição homogênea de energia solar nas zonas de baixas, médias e altas latitudes.
e) A diferença de temperatura do ar atmosférico exerce uma função muito importante na formação de áreas de baixa e alta pressão atmosférica, porém não interfere no movimento das massas de ar e dos ventos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário